Captura de Tela 2017-10-10 às 08.09.52Ministério Público do Maranhão ofereceu denúncia contra os quatro Policiais Militares envolvidos no assassinato da estudante Karina Brito Ferreira. Segundo o MP-MA, a estudante voltava de um velório quando o carro em que ela estava foi alvejado por vários tiros durante uma perseguição policial no dia 14 de dezembro do ano passado.

A irmã de Karina, Kamila Brito Ferreira, também foi alvejada, mas sobreviveu. O MP ofereceu denúncia por tentativa de homicídio à vítima. Segundo a polícia, a operação tratava de uma busca a uma associação criminosa, que explodiu a agência bancária de Fortaleza dos Nogueiras um dia antes. Na época, a família das vítimas contestou a versão da polícia. 

Em fevereiro, os PMs André Zacarias Passos Dias, Bruno Rafael Moraes, Joas Gomes Nunes e Raifran de Sousa Almeida foram indiciados pela Polícia Civil por homicídio doloso (quando há intenção de matar) e tentativa de homicídio. Agora é o Ministério Público quem faz a denúncia, assinada pela promotora de justiça Rita de Cássia Pereira Souza, da 5ª Promotoria de Justiça da Comarca de Balsas, pelos mesmos crimes.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *


*